Por que crianças autistas apresentam alteração de linguagem?

 

 

Por que crianças autistas apresentam alteração de linguagem? A linguagem é um processo mental complexo que envolve o uso da comunicação para transmitir ou receber uma mensagem de forma efetiva. Para que a criança desenvolva a linguagem de maneira satisfatória é necessário um bom desenvolvimento cognitivo, do contexto que a criança está inserida, um ambiente estimulador, experiências e oportunidade comunicativas.

Neste caso é interessante saber que linguagem é diferente de fala, enquanto a primeira é um processo simbólico e a segunda diz respeito ao ato motor de articular o som. Sendo assim, não necessariamente as duas podem estar alteradas.

Normalmente em criança com Transtorno do Espectro Autista (TEA) essa função se encontra alterada. Isso porque no TEA existe a dificuldade em compreender os componentes que constituem a linguagem e seu uso social. Além da dificuldade de interação com o outro e o meio que dificulta o desenvolvimento da intenção comunicativa.

Em alguns casos a criança consegue produzir verbalmente palavras e frases, mas não apresentam intenção comunicativa, ou seja, não tem funcionalidade àquilo que é dito. Isso ocorre quando a criança com TEA utiliza ecolalias (imediatas e/ou tardias), que nada mais é do que palavras/frases repetidas.

O nível de alteração da comunicação em crianças autistas pode variar conforme a severidade do TEA, porém em todos os casos a estimulação das habilidades comunicativas e interacionais de forma precoce apresentam melhores resultados.

Por isso, uma avaliação é necessária para diferenciar quais dificuldades à criança apresenta e determinar as intervenções necessárias em cada caso. O fonoaudiólogo é o profissional capacitado para avaliar as questões relacionadas à linguagem e comunicação.

Fonoaudióloga Carolina Nunes Laux CRFa: 9910

 

Leia o artigo: O Desenvolvimento Infantil

Leia este conteúdo pelo Facebook: Clique Aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *