Serviços


Atendemos crianças, adolescentes, adultos e idosos. Realizamos avaliações clínicas, trabalhamos com terapias complementares e exercemos serviços de apoio às escolas.


Acupuntura
A acupuntura é uma terapia originária da China. Consiste na aplicação de finas agulhas em pontos específicos do corpo. Estes pontos estão localizados sobre trajetos denominados meridianos que percorrem todo o corpo. Aplicação de laser é uma variação ocidental como alternativa para quem não tolera ou tem alguma contra indicação, como doenças da coagulação sanguínea, embora não seja contraindicação formal da técnica em si, só das sangrias.
O efeito terapêutico da acupuntura se da pelo estímulo para liberação de endorfinas, substâncias analgésicos e antiinflamatórias próprias do organismo, e pelo aporte de energia e sangue, ou liberação de energia e sangue estagnados. Como em qualquer tratamento de saude, procure profissionais qualificados para ter o melhor resultado.
Os benefícios que você vai ter com a acupuntura vai desde um bem estar geral , alívio de cansaço e estresse, insônia, alívio e cura de dores em geral, além de auxiliar no tratamento de qualquer doença, inclusive, infertilidade, efeitos da quimioterapia, dependência química. Também usado na estética para emagrecimento e rejuvenescimento.
Arteterapia
Arteterapia é uma prática Terapêutica que tem como objetivo o favorecimento do autoconhecimento por meio da arte. Estimula o conhecimento interior, amplia a consciência do indivíduo sobre si e sobre sua existência. Abre novos horizontes para escolhas mais saudáveis na vida.
É uma prática Arteterapêutica, que se utiliza de diferentes técnicas artísticas e recurso da arte para expressar de forma prazerosa, e muitas vezes suave os sentimentos. Estimula a imaginação e a criatividade. A Arteterapia pode ser realizada por todas as idades, desde a infância até a fase do Envelhecimento. Em diversos campos de atuação. Sempre em busca de uma melhor qualidade de vida.
Avaliações
• NEUROPSICOLÓGICA: representa um exame complementar relevante para a Neurologia, estabelecendo a existência de alterações cognitivas e comportamentais, secundárias à lesão cerebral avaliando sua magnitude pela análise quantitativa e qualitativa, por intermédio de testes e processos padronizados.
É indicada para todos os indivíduos que apresentam alguma queixa de modificação do funcionamento cognitivo e comportamental, com ou sem um quadro Neurológico ou Psiquiátrico de base.
Deve auxiliar no estabelecimento de diagnóstico, prognóstico e condução terapêutica.

• PSICOLÓGICA: A avaliação psicológica é um procedimento que avalia os processos psicológicos que compõe o ser humano, sendo o psicólogo o único profissional habilitado por lei para realizar esta função. É realizada através de informações de diversas fontes, como testes, técnicas, entrevistas, observações e análise de documentos. Através da avaliação psicológica é possível investigar diferentes características psicológicas do ser humano como emoção, afeto, cognição, inteligência, motivação, personalidade, entre outros. Pode ser realizada em qualquer fase da vida, sendo usada para avaliação em diferentes contextos (obtenção da carteira de motorista, dificuldades no ambiente escolar, atraso no desenvolvimento, aprovação em concurso público, entre outros). Tem um período de duração específico, geralmente de 4 a 6 encontros, e como resultado fornece um laudo com o resultado e a descrição de todo o processo de avaliação para melhor orientação e encaminhamento dos tratamentos a serem iniciados.

• NUTRICIONAL: A avaliação do periódico nutricional atua através da interpretação conjunta de todos os parâmetros (Anamnese Nutricional e Clínica, Exame Físico Nutricional e Antropometria). É indicado para Identificar colaboradores com altos riscos devido ao seu estado nutricional. A interpretação de todos estes parâmetros nos permite obter um diagnóstico nutricional mais completo possibilitando assim que o profissional faça orientações e encaminhamentos de tratamento pertinentes a cada caso.
Estimulação Precoce
Abordagem terapêutica realizada com crianças que possuem algum atraso/distúrbio no desenvolvimento Neuropsicomotor através de propostas lúdicas utiliza as técnicas e métodos de trabalho beneficiando o desenvolvimento global do indivíduo.
Indicado para crianças com até 3 anos e onze meses que apresentam alterações no seu desenvolvimento Neuropsicomotor.
A estimulação precoce objetiva evitar ou minimizar distúrbios do desenvolvimento Neuropsicomotor, possibilitando à criança desenvolver-se com toda a sua capacidade.
Fisiatria
Fonoaudiologia
O Fonoaudiólogo é o profissional responsável pela promoção, prevenção, avaliação, diagnóstico, reabilitação e aperfeiçoamento dos aspectos fonoaudiológicos da função auditiva, função vestibular, motricidade orofacial, deglutição, voz, fluência, articulação da fala e da linguagem oral e escrita.
Indicado para quem tem alterações de linguagem oral e/ou escrita, trocas de sons na fala, alterações vocais, dificuldade de deglutição, melhora e aperfeiçoamento da comunicação, realização de exames auditivos, entre outros.
Dentre os benefícios está a habilitação e reabilitação dos aspectos da comunicação e seus distúrbios.
Neuropediatria
Neuropediatria, também denominada neurologia pediátrica ou neurologia infantil, é a especialidade médica dedicada às doenças ou disfunções do sistema nervoso central e periférico que se manifestam desde o período neonatal até o final da adolescência.
O neuropediatra tem como função essencial o diagnóstico, prognóstico, orientação terapêutica e aconselhamento das disfunções relacionadas a maturação e desenvolvimento infantil, o que inclui patologias como epilepsia, paralisia cerebral, atraso no desenvolvimento neuropsicomotor, deficiência intelectual, distúrbios neuromusculares, neurogenéticos, transtorno do espectro autista, transtorno de hiperatividade e déficit de atenção, cefaléias, transtornos de aprendizagem.
Nutrição
A Nutrição estuda as necessidades nutricionais de indivíduos ou grupos para a promoção, manutenção e recuperação da saúde. Ocupa-se na esfera da Nutrição Humana e Alimentação, analisando (e compreendendo) os fatores biológicos, culturais, sociais e políticos para gerar soluções que forneçam uma melhor qualidade de vida às pessoas em todas as fases da vida.
É indicada para todas as idades (da gestação ao envelhecimento). Uma nutrição equilibrada promove a prevenção de doenças crônicas, além de proporcionar uma vida saudável. Pode-se evitar muitos problemas de saúde, através de uma boa alimentação, seguindo as proporções convenientes de cada alimento.
Psicologia
A Psicoterapia é uma especialidade terapêutica, na qual o psicólogo, por meio de intervenções psicológicas auxilia o paciente a tratar problemas emocionais, comportamentais e/ou cognitivos.
É indicada para várias faixas etárias em casos de depressão, ansiedade, fobias, compulsões, bipolaridade, entre outros.
Os benefícios principais estão na conquista do autoconhecimento, na melhora do bem-estar, no aumento da capacidade de enfrentamento de situações difíceis e na melhora dos relacionamentos interpessoais.
Psiquiatria
Especialidade da medicina que trabalha com a prevenção, diagnóstico e tratamento das diferentes formas de sofrimento mental.
É indicado à pessoas que sofram de qualquer patologia que interfira na saúde e bem estar mental. São exemplos de patologias tratadas pela psiquiatria: depressão, transtorno de ansiedade, esquizofrenia, transtorno do humor bipolar, entre outras.
Tem como benefício a melhora do bem estar mental, convívio social e qualidade de vida em geral.
Psicomotricidade
Trata-se de uma terapia de intervenção corporal que recai sobre a relação entre a vida emocional e a motricidade, apoiando a criança no aumento da consciência de seu corpo, buscando entender as interações entre sua motricidade (variação do tônus, da postura e dos movimentos) e o seu psiquismo (emoção, compreensão, imaginação e idéias), sendo indispensável ao desenvolvimento integral e uniforme da criança.
É Indicado em caso de: dispraxia (dificuldades de coordenação motora ampla e fina e de planeamento gestual); perturbações do esquema corporal, imagem corporal, lateralização e estruturação espácio-temporal; desarmonias tônico-emocionais; instabilidade postural; dificuldades de comunicação e de contato; inibição excessiva, hiperatividade e agressividade; promoção da autoestima; perturbações regulatórias; tiques, gaguez, mutismo seletivo; dislexia, disortografia e discalculia (dificuldades na leitura, na escrita, e na matemática, alterações grafomotoras); perturbações do desenvolvimento; défices da atenção, memória, organização perceptiva e simbólica, e por fim, promoção do desenvolvimento psicomotor.
Psicopedagogia
Psicopedagogia é a área que trabalha a capacidade de aquisição da aprendizagem do ser humano. Tem como objetivo compreender como se dá o processo de assimilação e compreensão da aprendizagem, bem como atuar nas dificuldades apresentadas e fazer intervenções nas mesmas.
A psicopedagogia se aplica a todas as faixas etárias,desde a primeira infância até a terceira idade, na qual trabalha com reabilitação de atividades de melhoria de qualidade de vida,trabalho de memória de curto e longo prazo, motricidade e capacidade atencional.
Além das atividades acima citadas o psicopedagoga oferece tratamentos e diagnósticos para crianças em idade escolar que apresentem suspeitas para dislexia, disortografia e discalculia (dificuldades na leitura, na escrita, e na matemática, alterações grafomotoras); défices da atenção, memória e organização.
Quiropraxia
Terapia de Casal
A busca pela Terapia de CASAL se dá devido os casais estarem passando por conflitos conjugais motivados por inúmeros fatores Principais queixas que costumam descrever quando enfrentam uma crise:
• Falta de companheirismo do parceiro, da parceira ou de ambos;
• Ciúmes;
• Traições;
• Falta de relação sexual, provocados pela falta de desejo de um ou ambos os cônjuges;
• Uso exagerado o celular, comprometendo a comunicação entre o casal;
• Queixa de pouco ou nenhum convívio familiar ou social.
Terapia Ocupacional
A Terapia Ocupacional promove autonomia no desempenho ocupacional em pessoas que apresentam alterações físicas, psíquicas, sociais e/ou educacionais, temporárias ou permanentes, mediando o processo de retorno a funções conhecidas que precisam de adaptação, desenvolvendo novas habilidades, ajudando a ressignificar ações ou sentimentos por meio de diversos tipos de atividades.
É indicado a pessoas que sofreram danos cerebrais, psicológicos ou físicos, que precisam aprender ou reaprender a realizar atividades cotidianas, profissionais ou acadêmicas. Também é indicado a adultos que desejam re-organizar a sua vida a partir de um planejamento e práticas de ações que promovam seu bem-estar físico, psíquico ou social; idosos que necessitam de atividade para uma melhor continuidade e qualidade de vida; e famílias que necessitam de ajuda para compreender e lidar com o familiar que apresenta alguma disfunção.
Atua na: reabilitação nas atividades de vida diária e/ou orientação ao retorno ao trabalho; prescrição e confecção de órtese; adaptação de ambientes para pessoas com deficiência física ou mobilidade reduzida; oficinas terapêuticas; prescrição de tecnologia assistiva; atraso no desenvolvimento cognitivo motor; síndromes genéticas; autismo; paralisia cerebral e AVC.
Terapia Familiar
A terapia de família tem por objetivo promover um espaço para que as pessoas possam pensar seus sentimentos e trabalhar as relações de forma afetiva. Não se busca culpados ou inocentes, não se trata de um tribunal das emoções, mas sim de encontrar estratégias para um relacionamento satisfatório em que todos possam se colocar como parte efetiva e colaborativa. Principais queixas que as famílias costumam abordar quando enfrentam uma crise são:
• Sobre a relação conflituosa entre os membros da família;
• Conduta inadequada no ambiente escolar;
• Dificuldades dos pais de impor limites aos filhos (as);
• Ausência da figura paterna na conduta com os filhos (as);
• Ansiedade aparece com um dos sintomas desencadeantes de um ou mais membros da família que são prejudicial para convívio entre os membros deste sistema.
O comportamento disfuncional de um ou mais integrantes da família indica que a família não esta bem. O papel do Terapeuta de Família é auxiliar a família a buscar novamente o equilíbrio do Sistema familiar para favorecer a qualidade de vida de todos os membros. Este modelo de trabalho na Abordagem Sistêmica vê o contexto integrado (relação e interação), assim, quando um membro está adoecido emocionalmente/Psicologicamente significa que os demais membros também estão, pois fazem parte do mesmo sistema, sendo o membro capaz de influenciar e ser influenciado pelo sistema familiar.
× Como posso te ajudar?